Detalhes que fazem a diferença!

|

Existem pequenos detalhes que colaboram para uma alimentação mais saudável, mudanças nos nossos hábitos, emagrecimento e manutenção do peso….mas  por algumas vezes esquecemos no nosso subconsciente e necessitamos que alguém nos lembre deles.  Para isso estou aqui hoje, para lembrar vocês que …

1) Mastigar para saborear e ter mais saúde: comer é muito mais do que um ato social ou uma forma de nutrir o corpo, é um investimento a longo prazo! Mastigar bem é um dos elementos fundamentais para o sucesso de uma dieta alimentar. Por meio da mastigação lenta e prazerosa, pode -se ter saciedade precoce. Assim, ao comer menos, há menor tendência a ganho de peso, melhor digestão e mais saúde.
A mastigação ativa a salivação que, entre outras funções, dá início ao processo digestivo ainda na boca. É também responsável pela trituração dos alimentos: quanto menor estiverem, melhor será a digestão de seus nutrientes pelo intestino, contribuindo para absorção.
2) Ficar mais de 4 horas sem comer engorda: quando se fica muito tempo sem comer, ocorre queda dos níveis de açúcar no sangue, que pode causar irritabilidade, tonturas, dor de cabeça e…fome! O apetite se torna voraz, comprometendo a velocidade da mastigação, a seleção e a quantidade de alimentos que será ingerida. Além disso, há uma desaceleração do metabolismo, pois para suprir longos períodos sem ingestão de energia, o corpo gasta as calorias de forma mais lenta, além de absorver maiores quantidades de gordura, como se estivesse criando uma reserva.
3) Prefira os crus: além de serem ricos em vitaminas, minerais e fibras, são mais facilmente digeridos. Quando são cozidos, enlatados, fervidos  ou pasteurizados, algumas propriedades naturais são destruídas.
4) Aumente o consumo de fibras: elas devem estar presentas em todas as refeições, são encontradas em verduras, frutas e grãos, ajudam a regular o sistema intestinal, colaboram para redução do colesterol ruim e a diminuição dass doenças cardiovasculares. Também regulam a absorção de açúcares e aumentam a sensação de saciedade. Numa refeição sem fibras, os carboidratos são rapidamente digeridos, o que resulta num pico de insulina que traz o retorno da sensação de fome.
5) Exercite corpo e mente: ao sair do sedentarismo, o metabolismo acelera 30% e ajuda na perda de peso. Eles também auxiliam na melhora da força e do tônus muscular, da flexibilidade, fortalecem ossos e articulações, reduzem a pressão arterial, diminuem o risco de diabetes e do colesterol ruim, melhoram o fluxo sanguíneo para o cérebro. Contribuem, com isso, para o bom humor e a auto-estima e ajudam na redução da ansiedade e estresse.
Padre Chagas, 140 - 5º andar / Moinhos de Vento - Porto Alegre/RS